Os emojis entraram no cenário das mensagens convencionais por volta de 2010, e pouco a pouco foram alcançando um lugar na vertente comunicativa. As mensagens tornaram-se mais completas, ricas e humanas, mudando a narrativa e adicionando um elemento chave: o contexto emocional.
Os emojis tornaram-se tão comuns que passaram a fazer parte de diversas abordagens do Marketing, nomeadamente no e-mail Marketing e nas Redes Sociais, porque transmitem simpatia e informalidade. 

Emojis no e-mail Marketing
O envio de e-mails ainda faz parte do leque de ferramentas de comunicação de inúmeras empresas, e se uma grande maioria opta por uma abordagem mais clássica, há igualmente quem considere os emojis como parte integrante da sua comunicação. Eles despertam atenção, ajudam na identificação do e-mail e acrescentam valor emocional.

Emojis nas Redes Sociais
Segundo o World Emoji Day, todos os dias são usados mais de 700 milhões de emojis no Facebook; no Instagram, mais de metade dos comentários integram emojis. A sua popularidade nas Redes Sociais deve-se à facilidade da sua compreensão, dado que se trata de uma linguagem universal.

Os emojis são engraçados e divertidos, pelo que podem ser interessantes no seio da comunicação empresarial. No entanto, é igualmente importante reter que em determinados contextos – a comunicação que se pretende mais séria – poderão não ser apropriados. Numa palavra, o bom senso deve imperar. 


0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *