Nostalgia: O ingrediente secreto para a nossa criatividade

By | 21 Dezembro, 2016

A infância, as férias com os amigos e família, a escola, os programas de TV, tudo isto é nostálgico e a nostalgia faz-nos querer voltar atrás no tempo. Usada no Design, a nostalgia pode atrair o público num nível sentimental-emotivo, provocando emoções positivas, felicidade, confiança e optimismo, e por muito que o mundo evolua a nostalgia permanece.

Existem várias maneiras de desencadear este fenómeno psicológico. Cheiros podem levar àquele bolo divinal feito pela tua avó, uma fotografia remete para umas férias passadas com os teus amigos, uma música que te relembra quem conheceste naquela época.

E como aplicamos a nostalgia num projecto? Em primeiro lugar, estimula a criatividade, em segundo, pode enriquecer o teu apelo emotivo para o público.

Nostalgia e a Criatividade
Pesquisas descobriram que a nostalgia pode aumentar a criatividade. De acordo com o psicólogo educacional, Jonathan Plucker, a nostalgia ajuda as pessoas a terem acesso a mais informações no seu cérebro, fornecendo mais material para a criatividade. Ao contemplarmos experiências passadas no contexto de hoje, esta combinação de conceitos divergentes – “then” e “now” – estimula ideias criativas.

Nostalgia e o Design
Os designers podem usar a nostalgia para apelar a sua audiência ao bem-estar. Ao aproveitar o desejo das pessoas de sentirem que lhe pertence, que lhes tem significado e que lhes dá segurança, os designers podem dotar as suas criações de emoção e sentimentalismo, conectando com o seu público-alvo e provocando um sentimento de felicidade.

Em conclusão, as nossas memórias podem ser aproveitadas, reinterpretando-as para os nossos projectos com bom senso, realismo e conectividade.

nostalgia-e-o-design_blog

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *