O ransomware é um tipo de malware bastante perigoso que infeta os computadores, impedindo que o utilizador tenha acesso aos dados e ficheiros pessoais. Para voltar a ter acesso é exigido um pagamento anónimo através de cartão de crédito ou criptomoedas.
Se foi infetado por este malware irá receber duas mensagens no seu computador, a primeira a informar que os seus ficheiros pessoais foram encriptados e que, para voltar a aceder, precisa de uma chave especial, a segunda a indicar que será necessário pagar pela chave para voltar a ter acesso aos mesmos, fazendo-se acompanhar muitas vezes por uma contagem regressiva aumentando o valor do resgate com o passar do tempo.
Infelizmente nem sempre o pagamento do resgate significa que o problema irá ficar resolvido, pois quando o programador do malware percebe que o dono dos ficheiros está disposto a pagar o valor, acaba por exigir mais dinheiro.
Se se tornar uma vítima deste malware siga estas recomendações:
Diga não ao pagamento do resgate, pois se o fizer contribui para esta estirpe de malfeitores, sem garantia de que lhe irão entregar a chave para poder aceder aos ficheiros;
Não dê nenhuma das suas informações pessoais, como por exemplo, o seu endereço de e-mail;
Tente reverter os ficheiros afetados a uma versão anterior.
Para proteger o seu computador, atualize os programas com frequência, evite clicar em links ou anexos de e-mail suspeitos, crie backups dos seus ficheiros e armazene-os num serviço de cloud, como o Google Drive ou o Dropbox, e, por fim, instale um bom programa antivírus e um sistema de firewall. A Fidelizarte adota um papel preventivo na internet, não seja uma vítima, faça o mesmo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *